sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Um excelente 2011!!!

Tenham um belíssimo Ano novo, é o que desejo a todos vocês !!!!!!!!!!

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Será um Derrespeito...rsrsrsrsr Bom Senso faz Bem!

Além de concorrer com as pessoas mal educadas e individualistas pelas vagas de estacionamento dedicadas a pessoas com deficiência, o pessoal conseguiu mais uma nova função para as vagas, estacionar caçambas de entulho e colocar material de construção.

Um absurdo.

Com certeza eles não viram a campanha de se concientizar!

vejam o vídeo da campanha de concientização pelas vagas destinadas a pessoas com deficiência para entender a necessidade delas.

Cadeirante encara os desafios da falta de acessibilidade

Fastastico faz uma bela reportagem sobre a realidade dos cadeirante em viagens de Avião, Ônibus e metrô.
O nosso Brother cadeirante Billy Saga, mostra vários desrespeito...
Confira o video:

domingo, 19 de dezembro de 2010

Reportagem com a Equipe de Basquete.

Olá gente, querido leitores, trago a vocês um vídeo bem legal que foi feito pela TV local da Paraíba e mostra a equipe “Pestalozzi” de Basquete em Cadeiras de Rodas que faço parte a entrevista mostra um pouco da equipe e dos treinos diários, uma iniciativa muito legal que vale a pena ser divulgada, mesmo diante de tantas dificuldades e falta de apoio é sempre muito legal divulgar o esporte adaptado já que esse é um ótimo caminho a se seguir.




http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com
Dedicado as cadeirantes e as pessoas interessada em conhecer a vida de um cadeirante!

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Dia internacional das pessoas com deficiência!


3 de dezembro é uma data comemorativa promovida pelas Nações Unidas.

O dia internacional das pessoas com deficiência (3 de dezembro) é uma data comemorativa internacional concebida pelas Nações Unidas desde 1998, com o objetivo de promover uma maior compreensão dos assuntos concernentes à deficiência e para mobilizar a defesa da dignidade, dos direitos e o bem estar das pessoas. Procura também aumentar a consciência dos benefícios trazidos pela integração das pessoas com deficiência em cada aspecto da vida política, social, econômica e cultural. A cada ano o tema deste dia é baseado no objetivo do exercício pleno dos direitos humanos e da participação na sociedade, estabelecido pelo Programa Mundial de Ação a respeito das pessoas com deficiência, adotado pela Assembléia Geral da ONU em 1982.

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Conade muda forma de tratamento de deficientes físicos


Governo Federal altera termo para se referir a deficientes em documentos oficiais. O correto agora é "pessoa com deficiência"
da Redação
Uma portaria da Secretaria dos Direitos Humanos da Presidência da República publicada nesta semana formaliza o uso da expressão “pessoa com deficiência”. O novo termo substitui a expressão “pessoa portadora de deficiência”, que era oficialmente utilizada nos documentos produzidos pelo Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa Portadora de Deficiência (CONADE).

De acordo com a jornalista responsável pelo ONG Gira Solidário, Fernanda Garcia, a atenção que se deve dar a esse tipo de nomenclatura é importante para garantir o direito dessas pessoas e afirmar seus papeis e suas importâncias na sociedade. "Quando você porta alguma coisa, você pode carregá-la ou não, o deficiente físico não pode escolher se vai ou não ser um deficiente físico, é sua condição, o que não significa, no entanto, dizer que ele não possa ser eficiente em várias áreas. Por isso não e feio falar 'pessoa com deficiência'", diz Fernanda.

A técnica administrativa da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS), Jandira Catarina Rocha, deficiente física, acredita que a discussão sobre forma de tratamento seja pertinente, mas lembra: “Há outros temas muito mais urgentes que precisam ser tratados, como portabilidade, ou acessibilidade, por exemplo. Para mim sinceramente, a discussão sobre formas tratamento tem pouca importância diante de outros direitos nossos que são desrespeitados diariamente”, diz Jandira.

Fonte: Pantanal News - 10/11/2010

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Sarah e a Internação!

Hospital Sarah Kubitschek é o nome pelo qual são conhecidas várias unidades hospitalares brasileiras, destinadas ao atendimento de vítimas de politraumatismos e problemas locomotores, objetivando sua reabilitação; é mantido pelo Governo Federal, embora sua gestão é pela Associação das Pioneiras Sociais. O nome é em homenagem à Sarah Kubitschek, primeira dama do país na época da fundação de Brasília.

Fiz grandes amizades durante o período da minha internação no SARAH-Fortaleza ( de 6 de setembro a 8 outubro 2010). Houve uma união muito boa entre os pacientes, que logo se tornaram em bons companheiros e por conseqüência amigos. Um apoiando o outro, sendo através de conversas, trocas de experiencia de leis e direitos a ajuda motora. Infelizmente a grande maioria reside em outras cidades, porém a distância não apagará as lembranças das brincadeiras. Convivemos como uma grande família, pois tínhamos contato do café da manhã a ceia. Mesmo que não haja um reencontro nas internações será impossível não recordar.

Ai vai pessoais inesqueciveis que conheci lá... Abraços a todos! e se cuidem...


quinta-feira, 28 de outubro de 2010

UFPB desenvolve trabalho de reinserção social!

Olá amigos estou de volta, me desculpem a demora é que estou estudando muito e estou com pouco tempo, aos poucos vou postando as novidades que obtive lá no Sarah e as esperiencia que tive!


Projeto é voltado para pessoas com lesão na medula óssea

Todas as sextas-feiras, o Departamento de Fisioterapia do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal da Paraíba (DF/CCS/UFPB) desenvolve, na Clínica Escola de Fisioterapia da Universidade, a partir das 13h30, um trabalho de reinserção social e melhora na qualidade de vida de pessoas com lesão na medula óssea.

A atividade está vinculada ao Programa de Atenção na Lesão Medular (PALM), que é desenvolvida com paraplégicos e tetraplégicos. Criado em julho de 2009, participam atualmente do programa, 12 pessoas com paraplegia.

Para participar, não é necessário fazer inscrição formal, precisando apenas que a pessoa que necessite do tratamento tenha alguma lesão medular. Segundo a professora Adriana Carla, coordenadora do Programa, é feito um trabalho com as temáticas Deambulação, Uso de Dispositivos para Marcha, Sexualidade, Impotência, Família, Direitos Sociais da Pessoa com Deficiência, Aspectos psicológicos, Esportes na Lesão Medular (Basquete sobre rodas, Natação, Badminton, entre outros), e conta com a colaboração dos professores Elaine Cappellazzo Souto (Depto. de Educação Física), Mallison da Silva Vasconcelos (Depto. de Fisioterapia) e Adriana Ribeiro (Depto. de Fisioterapia), além de quatorze extensionistas dos dois departamentos.

A Clínica Escola de Fisioterapia da UFPB fica localizada no acesso ao Hospital Universitário Lauro Wanderley, defronte ao 1° girador, campus I, João Pessoa.


Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (83) 3216 7183/ 3216 7032, ou pelo e-mail: aribeiro@hotlink.com.br

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Pedindo um Desconto!


Olá pessoal quero pedir desculpas pelo meu sumiço, estou no Hospital Sarah em Fortaleza.

Voltarei em breve com bastante novidades.

terça-feira, 31 de agosto de 2010

Entendendo as siglas da CNH

A: OBRIGATÓRIO O USO DE LENTES CORRETIVAS

B: OBRIGATÓRIO O USO DE PRÓTESE AUDITIVA

C: OBRIGATÓRIO O USO DE ACELERADOR A ESQUERDA

D: OBRIGATÓRIO O USO DE VEÍCULO COM TRANSMISSÃO AUTOMÁTICA

E: OBRIGATÓRIO O USO DE EMPUNHADURA/MANOPLA/POMO NO VOLANTE

F: OBRIGATÓRIO O USO DE VEÍCULO COM DIREÇÃO HIDRÁULICA

G: OBRIGATÓRIO O USO DE VEÍCULO COM EMBREAGEM MANUAL OU COM AUTOMAÇÃO DE EMBREAGEM OU COM TRANSMISSÃO AUTOMÁTICA

H: OBRIGATÓRIO O USO DE ACELERADOR E FREIO MANUAL

I: OBRIGATÓRIO O USO DE ADAPTAÇÃO DOS COMANDOS DE PAINEL AO VOLANTE

J: OBRIGATÓRIO O USO DE ADAPTAÇÃO DOS COMANDOS D EPAINEL PARA OS MEMBROS INFERIORES E/OU OUTRAS PARTES DO CORPO

K: OBRIGATÓRIO O USO DE VEÍCULO COM PROLONGAMENTO DA ALAVANCA DE CAMBIO E/OU ALMOFADAS (FIXAS) DE COMPENSAÇÃO DE ALTURA E/OU DE PROFUNDIDADE

L: OBRIGATÓRIO O USO DE VEÍCULO COM PROLONGADORES DOS PEDAIS E ELEVAÇÃO DO ASSOALHO E/OU ALMOFADAS FIXAS DE COMPENSAÇÃO DE ALTURA E/OU PROFUNDIDADE

M: OBRIGATÓRIO O USO DE MOROCICLETA COM PEDAL DE CAMBIO ADAPTADO

http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com
Dedicado as cadeirantes e as pessoas interessada em conhecer a vida de um cadeirante!

Novos ônibus para melhor acessibilidade


Trinta segundos. Esse é o tempo médio que o usuário de cadeira de rodas gasta para se acomodar em um dos 13 novos ônibus adaptados entregues à população na manhã de ontem. A nova frota vem se juntar aos outros 108 já existentes, totalizando 121 ônibus adaptados para pessoas com deficiência de locomoção. Dados da Associação das Empresas de Transportes Coletivos Urbanos de João Pessoa(Aetc-JP) mostram que, com a nova frota, mais de 36 mil viagens/mês serão feitas com atendimento aos cadeirantes.
A estrutura dos novos ônibus, chamados de "Ônibus Eficientes", não são um benefício apenas para quem utiliza a cadeira de rodas. Além dos elevadores permitirem o fácil acesso aos cadeirantes, as portas de acesso são mais largas (medem 1,10 centímetros, enquanto que os ônibus convencionais têm apenas 90cm), além de contarem com cadeiras mais largas - destinadas a mulheres grávidas e pessoas obesas - corrimões especiais para deficientes visuais, sinal de parada com escrita emBraile e um dispositivo que só possibilita a partida após as portas estarem completamente fechadas.

Mauro Tourinho, diretor executivo da AETC-JP, afirma que a nova frota desses ônibus, denominados de "Ônibus Eficientes", correspondem a 28% da frota em operação na capital. "Temos uma porcentagem muito maior do que a estabelecida por lei, que é de apenas 3%. Atendemos a demanda com sobras, pois das 36 mil viagens realizadas por mês, o elevador é acionado apenas 120 vezes", afirma o diretor. Um número que, segundo o diretor, poderia ser maior. "Só adaptar o transporte coletivo para os deficientes não é suficiente para dar garantia dos direitos deles. É preciso que os responsáveis pelos espaços públicos e de lazer precisam se preocupar em fornecer estruturas de acessibilidade. Senão, como o cadeirante vai utilizar os ônibus, se ele nem consegue chegar em algumas paradas de ônibus?", indaga Mauro Tourinho.

A chegada de novos ônibus facilitará a vida do estudante Reginaldo Faustino da Silva. "A gente sempre ouvia umas gracinhas dos passageiros, dizendo que os elevadores atrasam a viagem deles. Mas o problema era que nem os cobradores sabiam acionar o sistema. Agora, com esse mecanismo mais rápido, espero que as pessoas nos respeitem mais", diz Reginaldo.

Reformas

A superintendente da Superintendência de Transporte e Trânsito (STTrans), Laura Farias, disse que cerca de 100 abrigos por onde os Ônibus Eficientes passam sofrerão adaptações para melhor atender aos cadeirantes.
Fonte: O Norte

Mais um avanço nas pesquisas !

Cientistas do RJ descobriram um meio de recuperar a lesão na medula espinhal

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Cadeira de rodas Aktiva Ultra Lite X

Olá pessoal, venho postar uma dica legal acho eu. como por enquanto não tenho verba para comprar uma monobloco vou me adaptando as minhas necessidades. Então consegui comprar com muito sacrifício, porque a minha não estava mais conseguindo segurar o batente do dia dia ,então foi ai que veio uma amiga minha a Mônica me falar que tinha uma cadeira de rodas pra vender num precinho camarada... obrigado Mônica!
Comprei a cadeira e fiz uma adaptação nela, como eu particularmente não gosto dos braços da cadeira resolvi tirá-lo, na outra minha cadeira eu também não usava, foi ai que veio a ideia, procurei um ferreiro aqui no bairro e expliquei pra ele q gostaria de fazer uma peça igual a do protetor de roupa, a minha intenção que era de fazer a elevação para dar aquela aliviada nas nádegas kkkkkk .
Perguntei pra ele se ele conseguia fazer de alumínio para não aumentar tanto o peso da cadeira que por se só já é pesada, então ele falou como poderia fazer, achei muito interessante, porque no momento que fui a sua procura era de imediato fazer a peça toda(completa),foi ai que ele falou que não era tão necessário.
Fica a dica:
pra mim valeu muito dar pra se apoiar nela sem problema e dar aquela aliviada nas bandinhas kkkkkk...
Enquanto não tenho condições para possui uma melhor vou adaptando rsrsrsrrsrsr....
isso é o protetor de roupra, como ele é de plastico ele fez um moldei
só para ela não ceder quando eu fosse me suspender!

e ela não ficou visível, ficou bacana eu achei!!!
faça seu comentário!!!

http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/
Dedicado as cadeirantes e as pessoas interessada em conhecer a vida de um cadeirante!

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Dar uma olhada nesse cara!!!

Uma lição de superação pra quem não acredita no que podemos...

terça-feira, 27 de julho de 2010

Uma ótima oportunidade!!!

Boa tarde queridos leitores, quero que vocês conheçam o método que eu uso pra fazer uma renda extra.
Acima de 18 anos, não necessita de experiência a empresa te capacita e te envia todo material gratis sem custo.
Trabalhe em casa nas horas vagas com o STC - "Sistema de trabalho em Casa" é muito bom, resumindo pra vocês entenderem melhor você terá que divulgar a empresa e enviar proposta aos interessados, seu ganho será por produção, peça sua proposta totalmente grátis e sem compromisso no email abaixo e mais informações.
DANI-20-DANI@HOTMAIL.COM
OBS:Esse é um sistema de trabalho serio não tem truque nem enganação.
vejam o vídeo e entenda melhor.

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Decepção...

Olá pessoal estava sem postar esses dias por conta do meu PC mas está tudo resolvido.

Alguns dias atrás a minha cadeira de rodas que já não é essas coisas todas, iria me proporcionar um belo tombo por conta de um pino que se torou-se e o eixo saiu. Esse pino faz o serviço de trava das rodas assim que encaixamos ela no quadro.
Ia eu caminhando ou melhor tocando a cadeira pelas ruas quando de repente o eixo sai fora a roda ficou praticamente solta só encaixada, e disse e agora me inclinei e peguei o eixo e fui na manha até chegar em casa sem forçar. Como só tenho ela pra se locomover tive que no momento fazer uma Gambi (gambiarra),até consegui concerta-la, passei quase três dias para fazer o concerto era só procurar um torneiro mecânico para fazer o pinozinho na medida certa foi ai que veio uma decepção cheguei pra o bendito torneiro e expliquei a situação, ele pediu que retirasse o outro eixo pra ele olhar a medida do pino até ai tudo bem, quando olhou tudo direitinho perguntei por quanto ele cobrava para fazer esse pinozinho ele olhou pra minha pessoa e falou pra você faço por trinta reais rsrsrsrrs, ai olhei pra ele e disse por gentileza me devolva os eixos com o pino que vou a procura de outro torneiro, gente ainda existem certas pessoais querendo se aproveitar da situação para lhe explorar... enfim fui a procura de outro e encontrei um cidadão que respeita o próximo ele olhou e disse que não iria me cobra pelo serviço, perguntei o porque ele me falou que custaria nada fazer aquele pinozinho e em dez minutinho estava pronto e veio me entregar prontinho do jeito que outro foi ai que abri a carteira e tirei dez reais para dar a ele mas ele não quis receber pediu muito obrigado e que Deus Abençoi muito mais a sua vida é muito bom saber que ainda existe pessoas honesta no mundo!


Vejam as fotos pra entender melhor :


quarta-feira, 7 de julho de 2010

Há Algo Melhor para Nós?

Boa Tarde, queridos leitores.

Hoje foi um dia que amanheci me perguntado porque existem tantas coisas sofridas na vida eu concordo que o sofrimento traga experiência em alguns casos, mas claro que pra tudo há excecção, pelo menos na minha vida sempre foi tudo tão difícil, sofrido sabe cada conquista tem uma parcela de dor, fico me perguntado o porque as coisas não são mais fáceis simples, tem pessoas que acredite em sorte, azar, destino e outros se pegam com Deus e algumas não querem nem saber de Deus de tanto pedir, orar, ficam desapontadas e acabam blasfemando (perde a fé e fica revoltado).
Não estou aqui pra falar de religião mas para dizer que temos que confiar e quando passarmos por dificuldade ou alegria em nossa vida não podemos perder a esperança, temos que nos apegar com Deus, porque se o que você que na sua vida é bom/ótimo, o que Deus que pra você é o melhor/perfeito.
Eu sou do tipo que se apega com Deus, sei que a vida tem que ter algumas dificuldade ou fica tudo monotomo, mas perai também num precisa ter tanta dificuldade hem?
Tem gente que diz, mas porque eu fiquei tetraplegico? temos que dizer "graças a Deus que estou vivo"! porque tudo que acontece na nossa vida tem um propósito maior por mais que não pareça hoje e se a vida e difícil com Deus, sem ele deve ser um inferno e a recompensa por tanto sofrimento e luta vira e será multiplicado porque Deus é bom e fiel e há sim sem duvida Algum Melhor Para Nós!!!
Espero que as palavras tenham servido de conforto nesse dia cinza e nublado!


http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

domingo, 27 de junho de 2010

Oportunidade de Emprego no Nordeste!!!


Há vagas para deficientes sem experiência

Mais oportunidade de empregos para os deficientes físicos no Nordeste. A Plura, empresa de consultoria e inclusão social, está selecionando profissionais portadores de deficiência para atuar como operadores de venda do grupo Itaú-Unibanco.

São 300 vagas para todas as regiões do país, mas a primeira fase da seleção será feita no Nordeste, nos estados de Pernambuco, Bahia, Sergipe, Alagoas, Ceará e Rio Grande do Norte. Não é exigida experiência anterior na função, mas os candidatos devem ter o ensino fundamental completo. O salário inicial é de R$ 600. Os aprovados serão incluídos nos projetos de expansão do grupo.

Julia Maggion, diretora da Plura Consultoria e Inclusão Social, explica que as contratações fazem parte do projeto de inclusão de pessoas com deficiência (PCDs) do grupo Itaú-Unibanco. A expectativa é de contratação de 300 profissionais nos próximos meses, com prioridade para os candidatos do Nordeste. Na primeira etapa de cadastramento as pessoas interessadaspoderão se inscrever até o próximo dia 30 (quarta-feira), pelo telefone 0800.7251725 ou através do e-mail plura@plura.com.br.
Os selecionados serão entrevistados pela consultoria e depois encaminhados para a área de recursos humanos do banco.De acordo com Julia, poderão participar do processo seletivo pessoas com qualquer tipo de deficiência física, desde que se adapte ao trabalho de operador de vendas. Como a função deve ser desempenhada numa central telefônica, os deficientes auditivos só serão selecionados se usarem aparelhos que facilitem o desempenho das funções. Embora não seja determinada uma faixa etária, a seleção vai priorizar pessoas entre 18 e 40 anos de idade. O processo seletivo deverá demorar em torno de trinta dias porque o grupo tem pressa em contratar os profissionais.A Plura Consultoria atua há quatro anos no mercado na área de inclusão social dos deficientes físicos no mercado de trabalho.
Através do projeto "Inclusão 360 graus", a empresa atua desde a seleção dos candidatos no mercadode trabalho, o planejamento das empresas para inclusão dos profissionais, além de treinamentos e garantia da acessibilidade física.

"Uma vez contratada a pessoa é importante a empresa pensar em investir na qualificação, e na retenção desse profissional", destaca Julia.Entre as dificuldades apontadas pela executiva para a inclusão das pessoas com deficiência (PCDs) está a falta de qualificação para as vagas que se apresentam no mercado de trabalho.

"Encontramos pessoas sem qualificação e outras que nunca tiveram experiência para a função", diz. Julia destaca ainda a dificuldade dos gestores das empresas na seleção dos deficientes físicos. "Os gestores têm metas a cumprir e imaginam que as pessoas com deficiência não vão acompanhar o ritmo". As vagas mais difíceis de inclusão são as que exigem formação técnica específica e as áreas econômicas e financeiras.
Fonte: Diario de Pernambuco
Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

terça-feira, 22 de junho de 2010

Campeãoooooooooo!!!


Olá pessoal estou de volta e na bagagem veio o titulo de campeão do Regional Nordeste que foi realizado em Recife!
Vou falar pra vocês é uma experiência única, e de muita confraternização no meu caso foi a primeira competição que fui, e aproveitei o bastante a experiência dos antigão e aprendi muito com eles, várias dicas do dia-dia támbem foi aproveitada e fiz vários amigos de outros estados que lá estavam foi simplesmente único porque como não fui ao Sarah ainda então tenho que me virar e perguntar saber como facilitar minha vida no dia-dia.

É nos da equipe Pestalozzi trouxe o titulo de campeão, mas quero falar a todos os basqueteiros no nordeste que todos são campeões sei que já sabemos disso, mas nunca é demais de se ouvir rsrsrsr...

As vésperas da viagem eu estava como uma mulher gravida, ansioso e só esperando a hora rsrsrsrsrsr e mesmo sabendo que o esporte adaptado é tão pouco reconhecido e incentivado é muito gratificante esses momentos e mesmo sabendo que teve equipe que passou horas e horas dentro de um ónibus pra chegar em Recife é isso ai pessoal todas as equipes que participaram da Regional foram de ónibus mesmo uma superação no currículo deles e a única coisa que podemos fazer é protestar e divulgar o esporte adaptado quem sabe assim nosso grito será ouvido alguma vez.

Obrigado a todos e o Campeonato Brasileiro vem aiiii.

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Somar e Somar


Oi queridos leitores, Me chamo Danielle Araújo sou esposa de Will e agora colaboradora do Blog Cadeirante é Ser Humano Também e estamos ajudando a levar informação e esclarecimento a todos que necessitam estarei sempre aqui a dispor de vocês, pois temos que somar e somar acho quem nem todos sabem, Will viajou ontem logo cedo pra Recife lá esta acontecendo o Campeonato Regional de Basquete em Cadeiras de Rodas e ele é integrante da equipe Pestalozzi aqui de João Pessoa o primeiro jogo deles aconteceu hoje dia 16 de Março de 12:00 e eles venceram de 58 a 14, “me desculpem mas quando ele me disse que tinham vencido, fiquei tão feliz que nem perguntei com que time eles jogaram!”.
Acho que todos merecem ganhar e serem reconhecidos são campeões de estarem lá, fico muito feliz por todos os paratletas que apesar de tantas dificuldades estão lá e muito não tem reconhecimento que merece, mas são vencedores de toda maneira, a todos um abraço.
http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

sábado, 12 de junho de 2010

Cadeirante X SEXO?


Oi Galera,

O titulo é bem sugestivo em rsrsrs, acho que esse assunto será sempre valido e terá um espaço reservado aqui, sei que vamos conseguir transpor essa barreira também, acho muito legal o espaço que todos os blogs direccionados aos Para e Tetraplégicos que conheço estão dando para esclarecer duvidas e ate curiosidades sobre esse assunto , desde que criei esse Blog sempre estou sendo chamado no msn e em comentários aqui mesmo no Blog pra falar desse assunto éééé eu acho ótimo que todos queiram mesmo saber, perguntar, tirar todas as duvidas é muito melhor do que sair por ai falando o que não sabe se baseando num pensamento errado, então se tiverem qualquer duvida estarei aqui pra esclarecer e saiba que existem muitos "médicos mau informados mesmo" sobre o assunto e digo isso porque aconteceu comigo é galera o medico comunicou a família que estava paraplégico e ainda disse que eu não faria mais sexo as palavras dele não foi essa, ele gentilmente disse a minha família "ele só será homem da cintura para cima"...Foi isso mesmo eu vim saber desse episódio a pouco tempo mesmo assim vamos continuar esclarecendo e rodas pra frenteee.

Há e frisando "CADEIRANTES FAZEM SEXO SIM E NÃO HÁ EXCEÇÃO".


http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

terça-feira, 25 de maio de 2010

EU PRÁTICO "Basquete em Cadeira de Rodas"

Olá, queridos seguidores e leitores do Blog quero contar uma experiência e dar um ponto de vista geral sobre o basquete, dica muito boa a os deficientes.
Quando eu e minha esposa decidimos voltar pra minha cidade de origem João Pessoa eu sempre tive a ideia de fazer algum esporte que também me servisse de reabilitação pois eu ainda não fui ao "Sarah" to na espera incessante e naquela ansiedade, eu também precisava de algo que melhorasse minha auto estima ai um certo dia estava eu na net como se é de costume ache o veterano da equipe de basquete aqui da capital mesmo e conversa vai e vem ele me chamou pra conhecer a turma e resolvi ir, acho que já vai fazer dois meses que to treinando na equipe firme e forte todos os dias to lá, pessoal acho que vocês não tem noção de como é ótimo o basquete melhora tudo na sua vida principalmente a auto estima que fica baixinha com a lesão e você se sente útil porque antes do basquete eu passava o dia todo em casa na net sabe e ainda tinha uma terrível escara que não me deixava nem sentar direito (esse foi o motivo que ainda não fui ao Sarah) mas ela fechou totalmente há uns dois meses GRAÇAS A DEUS.
E os amigos que você faz, porque os que você tinha antes muitos sumiram e é assim com todo mundo que sofre uma lesão ou fica deficiente por outro motivo é muito bom conversar com alguém que conhece suas verdadeiras necessidades falar de igual pra igual sabe agente não fica se sentindo um E.T eu acho que nem precisa falar dos benefícios pra saúde porque todos sabem que praticar exercícios é fundamental pra saúde de um andante já pra de um cadeirante é exigência médica, hoje eu não consigo ficar em casa, antes ou depois do treino vo para academia e vamos se mexer....
No dia 15 de Junho estaremos em Recife no campeonato nordeste, que as outras equipe nos aguardem rsrsrsrsrsrs.
Sei que existem muitos deficientes em casa completamente disponível mas com algum receio sem querer sair, vamos lá pessoal praticar algum esporte você vai ver como vai melhorar sua qualidade de vida e basquete não é só pra cadeirantes não qualquer pessoa com deficiência pode participar e se você não gosta de basquete procure outro esporte ou atividade física.
Fica ai minha dica espero que tenha sido de grande proveito.

http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

segunda-feira, 24 de maio de 2010

Para quem acha que cadeirante ê assexuado

Teaser do Projeto "Na minha cadeira ou na tua?", série para TV da Zapata Filmes, baseada na obra de Juliana Carvalho.



http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/
Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Cadeirante passa em primeiro lugar em concurso mas não é chamado!!!

A explicação que parece mais óbvia é preconceito. O veterinário aprovado já tinha desempenhado função semelhante antes.

O que explica o segundo colocado em um concurso público ser chamado antes da pessoa que ficou em primeiro lugar? O caso aconteceu e chamou atenção no interior de São Paulo. A explicação que parece mais óbvia é preconceito. É que o candidato é portador de deficiência física, ele é cadeirante. Mas, no edital do concurso nada dizia que ele não poderia participar. Ao contrário, até havia vagas reservadas para deficientes. Decidido a superar mais este obstáculo, ele agora busca ajuda da Justiça.

O médico veterinário que trabalha na prefeitura de Jales, a 600 quilômetros de São Paulo, já se acostumou às dificuldades para se locomover. Mas o obstáculo mais difícil que ele já enfrentou não é uma barreira física: é precisar provar que é capaz de trabalhar na função para a qual prestou concurso e passou em primeiro. João Paulo quer trabalhar como fiscal do Conselho de Medicina Veterinária, que controla o exercício da profissão.

O médico veterinário, que já trabalhou em função semelhante no Paraná, acompanhou passo a passo a publicação dos convocados. Para surpresa do candidato, o segundo colocado foi chamado antes dele.
“Tem falar para outra pessoas que você é capaz. Isso é muito frustrante”, reclama o veterinário João Paulo Fernandes Buosi.
Inconformado com a situação, João Paulo decidiu procurar o Ministiério Público Federal e só quando a Procuradoria da República entrou no caso, o Conselho de Medicina Veterinária do estado de São Paulo decidiu chamar o candidato para uma perícia médica que vai dizer se ele pode ou não exercer a atividade.

“Na hora de fazer o concurso, a documentação dele mostrou que ele estava apto. O consleho o aceitou e simplesmente depois de aprovado, foi ignorada a ordem de classificação e ele não foi nomeado”, explica o procurador da República Thiago Lacerda Nobre.

O representante do Conselho de Medicina Veterinária diz que o candidato não foi chamado porque não se enquadrava nos requisitos para o cargo, mas a posição será revista.
“A Procuradoria fez a recomendação e o conselho prontamente entendeu da neciessidade de rever os seus atos e assumiu os erros administrativos e está chamando o candidato para rever situação”, declara o delegado regional do Conselho de Medicina Veterinária SP Fernando Buchala
“É uma pessoa batalhadora que foi atrás dos direitos e hoje eu posso dizer que graças a ele, que procurou o Ministério Público Federal e que permitiu a nossa atuação, ele está reintegrado no concurso e hoje pode continuar no processo seletivo”, diz o procurador Thiago Lacerda Nobre.

“É mais a sociedade incapaz de receber o cadeirante, não permitindo a acessibilidade, do que o cadeirante incapaz de se incluir”, fala o veterinário.

João Paulo já passou pela perícia médica, mas ainda não recebeu o resultado da avaliação. Imagine a frustração: ele se inscreveu em um concurso para uma função na qual já havia trabalhado, a inscrição foi aceita sem qualquer problema, ele passou em primeiro lugar e não foi chamado. Fica parecendo que o problema é dele e não de quem faz a seleção.

http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

quinta-feira, 13 de maio de 2010

Participe da Antologia Literária para Cadeirantes

VEJA COMO É FÁCIL PARTICIPAR
CLIQUE AQUI arquivo no formato .doc
http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

terça-feira, 11 de maio de 2010

Parque da Juventude, em São Paulo, ganha primeira academia de musculação para cadeirantes do mundo!!!

Outras academias acessíveis serão instaladas por todo o Brasil. Os aparelhos, da linha Apadef, foram desenvolvidos pela Physicus, e doados ao município de São Paulo.




O Parque da Juventude, erguido onde funcionava a Casa de Detenção do Carandiru, em São Paulo, conta desde a semana passada com aparelhos de musculação destinados exclusivamente aos cadeirantes.

Os aparelhos, da linha Apadef, foram desenvolvidos pela Physicus, pioneira mundial nesta área, e doados ao município de SP. “Os aparelhos foram elaborados pensando na necessidade e carência que existe em relação aos cadeirantes”, afirma o coordenador de projetos da Physicus, Carlos Firmino. A direção da empresa estuda a doação de outras academias Apadef para várias regiões do país.

Os aparelhos já tinham sido apresentados na Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade (Reatech), em São Paulo, no mês passado.

Os aparelhos da Apadef funcionam sobre uma plataforma na qual o usuário se instala com a cadeira de rodas que é travada com um sistema próprio da estação. Em seguida, o usuário começa a exercitar-se. No movimento, a plataforma onde está apoiada a cadeira irá elevar-se com a cadeira e consequentemente com o usuário, ou seja, o cadeirante durante o exercício utiliza o peso do próprio corpo. “São equipamentos com ótima biomecânica e ergonomia, proporcionando um excelente resultado e oferecendo conforto ao usuário”, afirma Firmino.

Fonte:http:vida mais livre

http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/
Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

quinta-feira, 6 de maio de 2010

Deficientes físicos reivindicam bilhetagem eletrônica junto à STtrans


Problemas com acessibilidade levam deficientes físicos a reivindicar bilhetagem eletrônica nos ônibus de JPUm dos problemas mais abordados na atualidade no Brasil devido à exposição das dificuldades enfrentadas por um cadeirante, embora de forma superficial, na novela ‘Viver a Vida’, com a interpretação de Aline Morais, na pele da personagem Luciana, traz à baila um cotidiano de dificuldades encaradas pelos deficientes paraibanos.

De acordo com o presidente da Associação dos deficientes e familiares da Paraíba (Asdef), Francisco Izidoro, apesar das conquistas desta parcela da população com o incremento de ônibus adaptados em João Pessoa, um dos principais problemas enfrentados pelos deficientes pessoenses é a distribuição das linhas de ônibus na cidade.
“De um modo geral, os bairros mais populares têm um limitação muito grande. Não basta ser adaptado, precisa ser bem distribuído”, ressaltou.
Francisco Izidoro afirmou que já solicitou à STtrans a extensão da bilhetagem eletrônica para deficientes para rastrear as linhas mais usadas por eles a fim de verificar com maior precisão a demanda desta população .
Segundo o presidente da Asdef, um deficiente físico chega a esperar uma hora e meia por um ônibus adaptado nas paradas de ônibus em João Pessoa, e muitas vezes, os motoristas, ao perceberem que se trata de uma pessoa especial, “queimam as paradas”.
Além das dificuldades em relação às paradas de ônibus, os deficientes físicos também enfrentam problemas com os desnivelamentos das calçadas e a falta de infraestrutura das ruas da capital. “Os deficientes enfrentam grandes desafios assim que sai de casa até chegar ao seu destino”, lamentou Izidoro.

E os problemas não param por aí.A inserção no mercado de trabalho também é um dos desafios cruciais enfrentados pelos deficientes.
A lei de cotas para as pessoas especiais em empresas particulares, que obriga a contratação de 2% a 5% de deficientes não é cumprida em nosso Estado, segundo Izidoro.
De acordo com os dados extraídos da Relação Anual das Informações Sociais (Rais), apenas quatro mil deficientes da Paraíba estão empregadas. Se a lei fosse cumprida esse número subiria para 12 mil.

Na esfera pública também existe uma lei cotas que reserva de 5% a 20% das vagas para deficientes físicos, mas também não é cumprida de forma correta.
Segundo Francisco Izidoro, a Asdef ainda espera um posicionamento do Ministério Público paraibano em relação às irregularidades no concurso da Polícia Civil realizado há dezoito meses que não cumpriu as exigências da lei de cotas para deficientes.
O presidente da Associação lamentou “a omissão do Ministério Público” em relação ao caso e revelou que já denunciou o fato ao Conselho Nacional do órgão.
Francisco Izidoro afirmou também que o Ministério Público “não veste a camisa das pessoas especiais” e se queixou da atuação da Curadoria do Cidadão “que não age em defesa dos deficientes”.

A Paraíba é o Estado brasileiro com o maior percentual de deficientes físicos. De acordo com os dados do IBGE de 2000, 18,76% da população paraibana, o equivalente a 700 mil pessoas, apresentam algum tipo de deficiência. A média nacional é de 14%.
Fonte:clickPB
Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

terça-feira, 4 de maio de 2010

O Grito da Independência

Olá amigos, precisava compartilhar com vocês minha alegria após meu acidente tudo ficou muito complicado e não estou falando da deficiência não, disso nem se fala porque todos vocês sabem o que é a deficiência e como é mesmo muito difícil, bom mas meu assunto hoje não é esse eu sempre fui muito independente nunca gostei de pedir ajuda, sei que pode ser ou parecer orgulho demais mais eu sempre fui assim gostava de fazer minhas atividades só mesmo sem ajuda, e após o acidente a coisa mudou muito eu precisava fazer a fisio e até mesmo sair, passear e não era possível ate pra mim ir a fisio era um sufoco pois as pessoas trabalhavam e não tinha como me levar, esse foi um dos motivos fortes que me fizeram mudar para minha cidade João Pessoa aqui tem minha família e as coisas seriam mais fáceis, no começo até foi muito bom meu irmão tem um carro e estava em casa o dia todo porque ele só trabalha a noite então dava pra sair comigo, até um certo dia que ele iniciou uma obra em sua casa ai começou as dores de cabeça, ao chegar aqui em Jampa eu me integrei a associação de deficientes, pratico o basquete em cadeira de roda e ainda tem a fisio, então aquele estreasse voltou queria sair mais não tinha quem me levasse, quando se estar em uma cadeira de roda e se quer fazer alguma coisa e não pode ou não consegue vem aquele sentimento de impotência sabe e isso é muito ruim muito mesmo e ficar deprimido não é bom negocio, sendo assim conversei com meu irmão pra fazer uma adaptação no carro dele e ele concordou levei na oficina, apertei o cinto respirei fundo pra pagar a adaptação rsrsrs... e sabado passado dia do trabalhador terminou.
Galera vocês não tem noção de como é bom e prazerosa a independência quem é deficiente e dirige sabe bem como é, eu já sou habilitado mas isso foi antes do acidente e pra pegar o jeito com as adaptações que preciso (embreagem, freio e acelerador) manual foi bem rápido já sai da oficina dirigindo, vou agendar o dia no detran porque minha carteira de habilitação ainda é a mesma de quando andava tenho que Reabilitar ela para minha nova condição física, monto e desmonto minha cadeira e saio sozinho como isso é maravilhoso, o carro não é meu mas sempre estará lá quando eu precisar, enquanto o meu carro não chega, esta muito bom, estou muito feliz e esse é meu GRITO DE INDEPENDÊNCIAAA!!!!!!!!

http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

sábado, 1 de maio de 2010

Justiça Federal não cumpre a própria decisão sobre acesso para deficientes físicos



RIO - Diz o ditado: em casa de ferreiro, o espeto é de pau. Nem mesmo o prédio da Justiça Federal, na Avenida Rio Branco 243, cumpriu a determinação da própria Justiça Federal, obrigando todos os prédios públicos no município - tanto os antigos quanto os novos - a garantirem acessibilidade para pessoas com deficiência.

Na tarde desta quinta-feira, um grupo de manifestantes, entre eles, cadeirantes, foi ao edifício para entrar com uma petição solicitando a execução da sentença que atendeu a uma ação civil pública do Instituto Brasileiro de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência (IBDD). Lá, eles enfrentaram obstáculos:- Encontramos um degrau alto, um espaço de circulação estreito e um balcão com mais de um metro e meio de altura, inadequado para quem está numa cadeira de rodas.

Mesmo com todo o nosso movimento, esses obstáculos mostram que a própria Justiça não está preocupada com a questão da acessibilidade - afirma o advogado Alexandre Gaschi, gerente do núcleo de direitos do IBDD.A determinação é da juíza da 6ª Vara Federal, Regina Formisano, que em 28 de abril de 2009, deu prazo de um ano para que os edifícios cariocas fizessem adaptações. A ação do IBDD, iniciada em junho de 2007, solicitava o cumprimento do decreto 5.296 do governo federal de 2004, que estabeleceu que os prédios públicos em todo o Brasil deveriam ter acessibilidade a partir de 3 de junho de 2007. Desde quarta-feira, quem descumprir a lei poderá ser multado em R$ 10 mil por dia.A treinadora de ginástica olímpica Georgette Vidor estava entre os manifestantes.- Está mais do que na hora de o poder público dar o exemplo. As condições para os deficientes visuais são piores ainda - disse Georgette.A assessoria de imprensa da Seção Judiciária do Rio de Janeiro informou que, neste prédio da Avenida Rio Branco, mais antigo, as obras de adaptação não foram inteiramente concluídas. A reforma dos banheiros do Anexo II já foi finalizada e há vagas de veículos exclusivas para deficientes. A previsão é de que as obras sejam concluídas até o final do segundo semestre. Os novos prédios da Justiça Federal, no Rio, já têm adaptações. O maior foro da capital, localizado na Avenida Venezuela 134, segundo a assessoria, já está inteiramente adaptado aos portadores de necessidades especiais.
Fonte: O Globo
http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

quarta-feira, 28 de abril de 2010

História de Amor!!!

Olá pessoal, venho divulgar uma entrevista que minha esposa deu pra a amiga Gizz.
Onde ela relata um pouco da nossa história e como foi a nossa rotina e adaptação após o acidente.
vale apena dar uma olha no relato no blog da Gizz" Fisio Ativa .
Parabéns Gizz você é Especial bjssssssssssssssssssss

terça-feira, 27 de abril de 2010

Indignidade!!!

Olá gente um amigo meu que também é cadeirante, me mandou um e-mail com essas fotos "ou melhor com esses imprudentes, que por ser autoridade se acha no direito". Mas eles é que deveriam dar exemplo de cidadania e respeito.
Essas fotos foram tirada pelo amigo Jean Klaud ... pra quem não conhece ainda, postei sua bela história de vida AQUI.
As fotos desse fraga foi feito em grande supermercado aqui em João Pessoa-PB. É uma viatura da Policia Militar da Paraiba, que se acha no direito de estacionar na vaga reservada para Deficiente Físico. "Só faltava eles estarem fazem umas comprinhas"... (vai saber).
Estacionar na área reservada para Idosos e deficientes é proibido. Esta infração é considerada Leve, multa de R$ 53,20 e Três pontos na (CNH), segundo o Código Brasileiro Trânsito. (agora cá pra nós com esse valor de multa fala sério rsrsrsr...).
Mas em área particular que é o caso ai, a situação é mais complicada os infratores não tem com que se preocupar com os Agente de trânsito da Prefeitura, os funcionários do local que deveriam fiscalizar ignoram...
OBS: Muito bacana foi o aumento de números das vagas de estacionamento Preferenciais, agora se não há Fiscalização não Adianta!
Veja as fotos:

http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

terça-feira, 20 de abril de 2010

Desrespeito em Vaga Para Deficiente Fisico!!!

Imagens de um circuito interno mostram um "cara de pau" que estacionou seu carro em uma vaga para deficiente físico, e ainda agrediu o empresário que foi reclamar. Ô Brasillllllllllll até quando vamos ter que Desrespeitar a dignidade e o direito de cada um...
Mas estamos aqui para alerta essas pessoas que de alguma
forma se conscientize a respeito dos direitos do cidadão.

Vamos em frente e punir esses aproveitadores!

Empresário que teria filha cadeirante discutiu com motorista. Após discussão, ele passou por cirurgia.



Uma discussão por causa de uma vaga para portadores de necessidades especiais em um estacionamento deixou um homem ferido, no domingo (18), em Porto Alegre.
As imagens das câmeras de segurança do supermercado mostram o momento em que um motorista para na vaga reservada. Ele é repreendido por um empresário que teria uma filha cadeirante. Dentro da loja, houve uma briga.
O empresário ficou ferido e passou por cirurgia de emergência. A polícia investiga o caso e deve ouvir os envolvidos.

Fonte: G1

http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Especialistas Falam Sobre Sexualidade de Deficientes

Como a divulgação de sexo com cadeirantes sempre é um assunto que deve ser muito divulgado, pois muita gente ainda acha que somos ASSEXUADO ou seja não fazemos SEXO ééé isso mesmo engraçado, mais é verdade foi num foi sinto isso na pele sempre vem aquelas pessoas rondando meio com vergonha e sem graça pra saber, eu respondo numa boa por que sei que é apenas falta de informação e a curiosidade que é muito grande rsrsrsrs.
Ainda com toda essa divulgação que a globo esta fazendo com reportagens e a novela viver a vida, temos também que divulgar e incentivar mais e mais, então sendo assim não poderia deixar de trazer a vocês uma reportagem que passou ontem no fantástico sobre esse assunto tão polémico para algumas pessoas, há e a nossa amiga Juliana esta também nessa entrevista ééé a Juliana autora do livro “Na Minha Cadeira ou Na Tua” é aquela com o humor descontraído e sem igual, pra quem perdeu aqui está o vídeo vale apena dar uma olhadinha.



http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

sexta-feira, 16 de abril de 2010

Corrida Tiradentes 2010 em João Pessoa (PB)






Competição será realizada em 21 de abril, às 19h, e terá categoria especial para pessoas com deficiência. Inscrições vão até 19 de abril.

A Polícia Militar do Estado da Paraíba (PB) promove em 21 de abril, às 19h, a Corrida Tiradentes, em Comemoração ao 20º aniversário do Centro de Educação da PMPB. Seu percurso será de 10,0 Km, e terá como ponto de partida a Avenida Hilton Souto Maior (em frente ao IMEQ), em Mangabeira, e chegada no Final da Av. Beira Rio com a Av. Cabo Branco, em João Pessoa (PB). O tempo máximo estimado de prova é uma hora e meia.

A corrida está com inscrições abertas até 19 de abril para todas as pessoas maiores de 16 anos, incluindo pessoas com deficiência. A inscrição custa R$ 5 para militares e R$ 10 para os demais participantes.

As inscrições devem ser feitas na Lagoa/PPM, de segunda a sexta das 8h às 17h, no Quartel do Centro de Ensino, à rua Cel. Francisco de Assis Veloso, S/Nº, Mangabeira VII, de segunda a sexta das 7h30 às 18h e no Projeto Caminhar (Ronaldão, Praia).

Para mais informações, acesse o site http://www.pm.ce.pb.gov.br/ ou entre em contato pelo telefone (83) 3213-9200 ou (83) 3213-9240.
http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

quinta-feira, 15 de abril de 2010

Câmara Aprova Critérios de Aposentadoria de Deficientes


Uma boa notícia!



A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (14) um projeto que cria uma aposentadoria especial para pessoas com deficiência. A proposta reduz o prazo de contribuição e a idade mínima para que essas pessoas possam se aposentar. O projeto segue para análise do Senado Federal.Atualmente, todos os homens precisam contribuir à Previdência por 35 anos e as mulheres por 30 anos. O projeto reduz em até dez anos o prazo de contribuição de acordo com o grau de deficiência. Quem tem deficiência considerada leve terá uma redução de cinco anos neste prazo, quem apresenta deficiência moderada contribuirá oito anos a menos que o cidadão comum e quem tem deficiência grave terá prazo dez anos menor para a aposentadoria com base no tempo de contribuição.No caso da aposentadoria por idade, cai de 65 para 60 entre os homens e de 60 para 55 entre as mulheres a idade para a aposentadoria desde que seja cumprido um tempo mínimo de 15 anos de contribuição. Será necessário também comprovar que a deficiência existe há 15 anos para se conseguir a aposentadoria especial por idade.São beneficiadas pelo texto pessoas que tenham deficiência que apresente restrição física, mental, auditiva, intelectual, sensorial, visual ou múltipla e que restrinja a capacidade funcional. Um regulamento seria feito posteriormente pelo Executivo para definir qual grau de limitação levará à qualificação da deficiência como leve, moderada ou grave.De acordo com o texto, o grau de deficiência será atestado por perícia do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), que deverá ser refeita a cada 15 anos. A pessoa com deficiência tem o direito ainda de pedir uma perícia em prazo inferior no caso do agravamento da deficiência.O projeto estabelece ainda que no caso de o segurado da Previdência adquirir a deficiência após já estar contribuindo, o benefício de redução de prazo será proporcional aos anos trabalhos com e sem a deficiência.
Fonte:http://g1.globo.com/

http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

terça-feira, 13 de abril de 2010

`Só pra quem Pode!

Estava eu perambulando pela net e encontrei esta cozinha destinada a nós cadeirantes e achei interessante posta-la aqui.
Vale apena dar uma sacada!!!

Cozinha para Cadeirante
O arquiteto Marco Miscioscia criou para a empresa nova iorquina Valcucine, a cozinha Hability desenvolvida especialmente para os cadeirantes que adoram preparar deliciosos quitutes. A cozinha é toda em aço inoxidável e as bancadas permitem o acesso da cadeira de rodas, tem um sistema de encaixes para que o deficiente físico possa manusear panelas e outros utensílios sem o risco de escorregar ou escapar de suas mãos. Tudo foi ergonomicamente estudado para que pessoas sem deficiência possa utilizar a cozinha também. Assim o cadeirante pode convidar seus amigos para um almoço, criando um amistoso clima de confraternização. Fabricantes de cozinha aqui do Brasil, por favor olhem esse post e façam algo parecido, afinal de contas, pessoas em cadeiras de rodas são consumidoras e também adoram cozinhar em casa.




http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/
Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

segunda-feira, 12 de abril de 2010

A Toda Velocidade!!!

Gente este post é um alerta sobre a divulgação de um projeto que se chama A TODA VELOCIDA. A nossa Amiga Giselle(A GIZZ) é a pioneira desse desafio que é a Acessibilidade...Ela vai relatar durante 30 dias, "vivenciar na pratica" como é o dia-a-dia de um cadeirante, as dificuldades, as barreiras que passamos em cidades nada acessíveis para nós.
Esse projeto irá se concretizar na publicação de um livro, mas informação no seu blog Fisio Ativa
Dar só uma sacada no video:

sábado, 10 de abril de 2010

Lição de vida após ficar paraplégico!!!




Superação e muita determinação são as palavras que Jean Kraud nos passa, para encarar a realidade de como deve ser a volta por cima!

São exemplos assim que devemos seguir, temos que está disposto para lutar diante das nossas limitações porque pessoa assim que é fonte de inspiração para continuar em frente...

“Em janeiro de 1993, vinha da casa de uma amiga no Castelo Branco e passou uma pessoa em um bugre amarelo, atirando para todos os lados e um dos projéteis pegou na minha coluna. Assim que levei o tiro deixei de andar. Em nenhum momento fiquei inconsciente, fiquei lúcido e já veio aquilo na minha cabeça. Quando cheguei na frente do hospital falei: Mãe, acho que não poderei mais surfar, jogar basquete”.

Na época, Jean tinha 19 anos, e cerca de um ano antes havia sido aprovado no concurso da Polícia Militar da Paraíba. Naquele dia estava de folga e por isso não pôde ser reformado com uma patente mais alta. Foi para a reserva como soldado mesmo.

Ele também lembra que foi naquele momento que soube quem eram seus amigos de verdade: “Posso te falar que 95% se afastou, mas os 5% que ficaram até hoje são meus amigos”.

Após deixar o hospital, Jean Klaud foi para Brasília (Hospital Sarah) fazer tratamento com o pensamento de voltar a andar. Contudo, já no primeiro contato com a fisioterapeuta, ao dizer que estava lá para recuperar os movimentos da perna foi questionado:
“Ela falou que foi lá para me reabilitar e fazer, daquilo que fazia antes, o máximo que pudesse, mas não para voltar a andar. Com apenas 19 anos era tudo novo e difícil. Tive que reaprender tudo novamente. Conheci pessoas de todo o país que estavam na mesma situação que eu ou até pior e vi que não era o fim.

A volta por cima através do esporte...

Foi nesse momento que resolvi voltar ao esporte”, passou a praticar basquete em cadeira de rodas no próprio hospital Sarah e reaprendeu tudo: desde calçar um tênis até entrar e sair de um carro.

Cinco meses depois, de volta a João Pessoa, entrou na equipe de basquete da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e cerca de dois anos depois sentiu o peso do preconceito de forma mais dura. Ao questionar o então treinador do time sobre o motivo deles não viajarem para disputar competições, a resposta foi seca:
Não vamos porque dá trabalho”.

Aquele foi o último dia de treino de Jean pela equipe. Depois disso, nunca mais voltou lá e logo em seguida recebeu um convite para treinar em uma equipe do Recife. Vários atletas seguiram seus passos, deixaram a UFPB e o time acabou. Passou um ano na capital pernambucana e chegou a ser até campeão sul-americano.

De volta a João Pessoa, montou uma microempresa e se instalou de vez na Paraíba. Foi então que em 1998 conheceu Jaílton Miranda em uma oficina realizada no Unipê. Naquele encontro surgiu a idéia de criar uma equipe de basquete em cadeira de rodas na Vila Olímpica Ronaldo Marinho. Jean começou a reunir os jogadores da época em que jogava na UFPB e o projeto cresceu.

Enquanto alguns atletas já estão em quadra realizando o aquecimento antes do início do treino, um outro desce os lances de arquibancada do ginásio da Vila Olímpica Ronaldo Marinho de forma lenta e cadenciada. Sem o movimento das pernas, ele senta no chão e começa a descida dos degraus. Conta apenas com o auxílio de duas almofadas, que ele mesmo alterna entre os degraus para não sujar a roupa. Quando chega ao último, senta-se na cadeira de rodas para o treinamento e se apresenta:

Aos 35 anos, Jean Klaud é jogador da seleção paraibana de basquete em cadeira de rodas e tem no currículo os títulos do Campeonato Brasileiro e Sul-americano, além do Norte-Nordeste, sendo este último invicto. Atualmente, ele se divide entre os treinos no antigo Dede e as atividades na recém-criada Associação Atlética dos Portadores de Deficiência Física (AAPD).

Atualmente, o time treina diariamente no ginásio do Dede e já tem alguns títulos importantes: Campeão do Norte-Nordeste, de forma invicta, e Campeão Brasileiro da Segunda Divisão.

“O esporte representou a vitória. Hoje posso dizer que sou vitorioso, pela minha luta, força de vontade, pelas pessoas que me ajudaram. Foi assim que me mantive até hoje. Como não posso mais andar com as pernas, toco a cadeira e chego onde quero”.

Além disso, aconteceu o fim de um relacionamento de 7 anos de namoro.Talvez ela não tenha assimilado a situação, não entendeu, enfim, acho que houve o desgaste e acabou.

Por outro lado foi bom, pois conheci Katarina.

“No início, as pessoas perguntavam como Katarina namorava um cara em uma cadeira de rodas e ela me defendia. Falavam que eu não poderia ter filhos, que tinha ficado impotente, essas coisas. Hoje temos uma filha(Bruninha) e já estamos pensando em ter outro no ano que vem.

O objetivo agora é ir mais além. Ele é diretor de esportes da AAPD/PB e iniciou uma nova luta: a construção de uma Vila Olímpica adaptada aos paraatletas.



Endereço: Avenida Mato Grosso, 828 - dos Estados - 4895 - PB

Fone: (83)3225-3470 Email: doeaqui@yahoo.com

Apresentação da AAPD/PB A Associação Atlética dos Portadores de Deficiência da Paraíba (AAPD/PB), criada desde 2001, foi criada para representar os Deficientes Físicos na Paraíba através dos esportes Paraolímpicos, onde nosso Estado possui um dos maiores índices do Brasil de Portadores de algum tipo de deficiência, que são cerca de 14% na Paraíba. A AAPD/PB tem por objetivos principais: incluir os portadores de deficiência da Paraíba no esporte Paraolímpico, buscar uma maior valorização da Sociedade perante os portadores de Deficiência, além de incentivar resultados expressivos em competições nacionais e internacionais, buscando uma maior valorização dos atletas, e conseqüentemente, os transformando em verdadeiros profissionais do esporte. A nova gestão que se iniciou em agosto deste ano, formada na sua Diretoria Executiva por: Genilson Machado – Presidente
A Vila terá casas adaptadas para o paraatleta, ginásio para treinamento, piscina, fábrica de cadeira de rodas e várias outras coisas. Hoje temos atletas que moram em Santa Rita, Bayeux e a locomoção diária é difícil, sem contar as pessoas do interior do Estado. Todas as modalidades paraolímpicas serão atendidas.

Quase vinte anos depois do acidente, Jean diz que perdoa a pessoa que fez isso e que o sentimento é bem diferente da época:

“Não aceitava, sentia revolta, mas hoje estou tranqüilo. A pessoa que fez isso vai prestar contas a Deus”.
Dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

sexta-feira, 9 de abril de 2010

Reatech trará torneios e exibições de esportes adaptados, além de recreação para crianças

Durante a maior feira de acessibilidade, a ADD Sport Arena garantirá agitação aos esportistas.
Com uma programação agitada, a 9ª Reatech (Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade) trará uma série de campeonatos, desafios e exibições de esportes adaptados como basquetebol, voleibol, artes marciais, futsal e handebol. Com entrada franca, o público poderá acompanhar tudo na Arena da Associação Desportiva para Deficientes (ADD), entre os dias 15 e 18 de abril no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo.

A arena também vai abrigar modalidades como rugby adaptado e goalball – esporte direcionado às pessoas com deficiência visual, praticado em silêncio para perceber o som do guizo na bola e por meio do tato e audição as equipes têm como objetivo balançar a rede adversária.

Já para a criançada, a ADD levará para a Arena Kids com a novidade do Túnel de Sensações e Sentido com 10 metros, que será instalado na entrada da quadra infantil. Sua área será dividida em cinco espaços que representarão os sentidos: tato - chão de pedra; audição - projeção sem áudio de cenas marcantes; visão - escuridão; olfato - móbiles com saches de aromas; e paladar - alimentos de diversos sabores distribuídos em caixas. E para melhor exemplificar o que é conviver com a falta de um dos sentidos, serão exibidos depoimentos de pessoas com deficiência.

Além disso, os participantes poderão vivenciar atividades lúdicas com jogos como móbile, vai e vem, biboquê, jogo de xadrez gigante, jogo de dama gigante e jogo da velha. No espaço de recreações corporais, a ginástica acrobática promete agitar a criançada com movimentos dinâmicos que promovem a flexibilidade e força. A área infantil contará também com oficina de confecção de brinquedos com material reciclável e na ADD Sport Arena Kids, o público poderá conferir esportes como volei, atletismo, basquete e goalball adaptados.

PROGRAMAÇÃO DA ADD SPORTS ARENA

15/04 - Quinta-feira
Equipe de basquete ADD/Magic Hands – das 13h15 às 15h30
Jogo Desafio de Basquetebol em Cadeira de rodas – Interação com Público – das 15h30 às 16h
Instituto Olga Kos – Artes marciais – das 16h às 17h
ADD/Magic Wheels – Basquete em cadeira de rodas – das 18 às 19h30
Futsal – surdos – ADAVIDA – das 19h30 às 21h

16/04 - Sexta-feira
Atividade interativa com alunos do Colégio Stance Dual – das 13h15 às 15h15
Handebol – das 15h30 às 16h30
ADD/MAGIC Wheels – Basquete em Cadeira de Rodas – das 16h30 18h
Troféu Maria Nanci Gomes ADD/Reatech – Campeonato de Basquete - das 18h às 21h

17/04 - Sábado
Futsal para Deficiente Intelectual – CEPD – das 10h30 às 11h
Jogo amistoso: Voleibol – das 11h às 12h
Troféu Maria Nanci Gomes ADD/Reatech – Campeonato de Basquete – das 15h às 19h

18/04 - Domingo
Troféu Maria Nanci Gomes ADD/Reatech – Campeonato de Basquete – das 10h15 às 11h30
GoalBaal – Olhar Tátil – das 11h45 às 12h30
Futebol de Amputados – Instituto Só Vida – das 12h30 às 13h15
Rugby em Cadeira de Rodas: Ong Viva as Diferenças – das 13h15 às 14h
Troféu Maria Nanci Gomes ADD/Reatech – Campeonato de Basquete – das 14h15 às 18h30

PROGRAMAÇÃO DA ADD SPORTS ÁREA INFANTIL:

15/04 – quinta-feira
Sensibilização (Túnel das Sensações) - 13h às 18h
Vivências Lúdicas e Corporais (ADD/Arena Kids) - 13h às 18h
Jogos Esportivos: Volei Sentado, Atletismo, Basquete em Cadeira de Rodas e Golball (ADD/Arena Kids) - 13h às 18h

16/04 – sexta-feira
Sensibilização (Túnel das Sensações) - 13h às 17h
Vivências Lúdicas e Corporais (ADD/Arena Kids) - 13h às 17h
Jogos Esportivos: volei Sentado, Atletismo, Basquete em Cadeira de Rodas e Golball (ADD/Arena Kids) - 13h às 17h
Oficina de jogos e brinquedos com materiais recicláveis Público da Feira (ADD/Arena Kids) - 10h às 18h

17/04 - sábado
Sensibilização (Túnel das Sensações) - 10h às 18h
Oficinas de jogos e brinquedos com materiais recicláveis público da Feira (ADD/Arena Kids) - das 10h às 18h
Vivências Lúdicas e Corporais (ADD/Arena Kids) – das 13h às 18h
Aula Projeto Escola de Esporte Adaptado ADD Alunos ADD (Quadra Principal) – das 12h30 às 14h30
Apresentação de basquete do Projeto Escola de Esporte Adaptado ADD Equipe Wheelchar Teens ADD (Quadra Principal) – das 14h30 às 15h30

18/04 - domingo
Oficina de jogos e brinquedos com materiais recicláveis Convidados e público da feira (Túnel das Sensações) – das 10h às 16h
Vivências Lúdicas e Corporais (ADD/Arena Kids) – das 10h às 16h
Mais informações estão disponíveis no site http://www.reatech.tmp.br/ ou pelo fone (11) 5585-4355.

Informações sobre a feira:

Reatech – IX Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade

Local: Centro de Exposições Imigrantes - Rodovia dos Imigrantes Km 1,5 - São Paulo (SP)
Dias 15 a 18 de abril
Horário: quinta e sexta das 13h às 21h; sábado e domingo das 10h às 19h
Mais informações: http://www.reatech.tmp.br/ ou pelo telefone (11) 5585-4355
Entrada gratuita

OBS: Também será oferecido diariamente transporte gratuito (ida e volta), saindo da Estação Jabaquara do Metrô (Rua Nelson Fernandes, 400 – ao lado do terminal de ônibus)


http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

quinta-feira, 8 de abril de 2010

Realidade...

Tem coisas que não entendemos, nem o porque? Somos feitos de desafios... Esses dias tive a certeza que passamos por tudo nessa vida seja ela como for.
Choros, desanimo, preconceitos, mas sabemos que não podemos se entregar e que dias melhores virão!
Mesmo diante de tantos problemas vamos vencer. Temos que seguir em frente e passar por esses obstáculo...
As vezes criamos expectativa demais em nossa recuperação e nem sempre é o que esperamos, bobagem temos que tirá esse grilo da cabeça e viver o hoje!
Mas sabemos que até se aceitar tudo é complicado, pra mim foi muito difícil, estressante porque te confesso sou muito impaciente e no caso como esse meu de passar por trauma desse, foi um desafio e tanto mas fui superando com muita dificuldade!
Todos sabem o que agente mais quer na vida é ser feliz!!!
Gente vamos viver, e temos que ser bem realistas,viver o hoje!!!


http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/
dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

domingo, 4 de abril de 2010

O Amor entre Casais com Deficiência



Fonte: TV Sentidos

http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/
dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

quarta-feira, 24 de março de 2010

"Bem" FELIZ ANIVERSÁRIO

Olá a todos, aqui quem está escrevendo é Danielle esposa do autor de desse blog, queria prestar uma homenagem a ele então resolvi escrever em seu blog, sei que ele esta um blogueiro então vou me expressar, não sou boa com palavras como ele mas quero mas uma vez tornar publica o MEU AMOR..... Bem, te amo e sempre vou te amar você sabe que é o meu amor eterno e é eterno mesmo quantos dias ruins passamos, se for falar passo dias escrevendo sem parar, mas queria te lembrar o quanto você é importante e também te falar que eu faria tudo de novo por você que passaria por todo o sofrimento do seu lado e por você, tenho muito orgulho de você, sei que sou insuportavél muitas vezes e obrigado por me aguenta rsrsrsr Te amo... Te amo....


Feliz aniversário!!!!!



Feliz aniversário!!!!!



Feliz aniversário!!!!!


POSTADO POR DANIELLE ARAÚJO.
http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/
dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!

domingo, 21 de março de 2010

Eu Mereço esse Sofrimento?

Quando experimentamos adversidades e problemas, podemos começar um processo de auto-comiseração onde culpamos a nós mesmos pelo que está acontecendo. Então começamos a sentir que fizemos alguma coisa errada para merecer aquela punição. Embora o exame da nossa vida, comportamento e motivações, seja algo muito saudável nós devemos evitar ceder a uma "viagem da culpa" que nos leve a concentrar nas nossas faltas e erros. Quem não os tem?
Isto tudo pode ainda ficar pior se outras pessoas tentam colocar sobre os nossos ombros o peso da culpa quando estamos passando por um momento de dificuldades. Foi exatamente isto o que aconteceu com Elifaz, amigo de Jó. Ele era um homem com uma grande percepção de quem era Deus e dos seus padrões morais. Ele corretamente observou que quando estamos fazendo o que é certo, estamos fazendo apenas o que Deus requer de nós. Por isso, não deveríamos esperar elogios ou benefícios especiais por sermos corretos e justos pois "Que lucro tem Deus se você é correto em todas as coisas?" Mas infelizmente ele estava errado ao insistir que a razão dos problemas de Jó era "... porque cometeu muitos pecados, e as suas maldades não tem conta." Ele também errou ao prometer a Jó que os seus problemas desapareceriam imediatamente se ele se arrependesse dos seus pecados. É verdade que existe alívio interior quando pedimos a Deus perdão pelos nossos pecados porque "...se confessarmos os nossos pecados a Deus, Ele cumprirá a Sua promessa e fará o que é justo; perdoará os nossos pecados e nos limpará de toda maldade." Entretanto, fazer isto de forma alguma nos livra das conseqüências destes mesmos pecados.
Além do mais a maioria dos nossos problemas são o resultado direto de vivermos em um mundo imperfeito. Deus usa estas adversidades para tornar-nos pessoas mais fortes e para preparar-nos para ajudar a outros. O apóstolo Paulo disse que Deus nos conforta de tal maneira que nos capacita a levar uma palavra de ânimo aos que têm necessidade. Esta é a sua afirmação: "Louvado seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai bondoso, o Deus de quem todos recebem ajuda! Ele nos auxilia em todas as dificuldades para podermos ajudar os que têm as mesmas dificuldades que nós temos. E nós damos aos outros a mesma ajuda que nós recebemos de Deus." Devemos nos lembrar sempre de que Deus nunca está no sofrimento, mas sempre no coração de quem sofre!
Quando problemas invadem nossa vida ou a vida de outros perto de nós, vamos evitar fazer um julgamento rápido e leviano dizendo:
"Eu bem que mereci! ... O que será que eu fiz de errado?" ou "Bem feito! ... Só podia acontecer isto ... Ela só colheu o que plantou...".
Ao invés disto vamos buscar o conforto de Deus para os nossos corações, para que possamos levar conforto também. Vamos experimentar uma vida mais gostosa de ser vivida tornando-a melhor para aqueles que estão ao nosso redor!
Devemos sempre lembrar de que Deus nunca está no sofrimento, mas Deus sempre está no coração sofredor trazendo conforto e ajudando a crescer!

[Textos Bíblicos : Jó; 22:3; Jó; 22:5; 1 João; 1:9; 2 Cor.; 1:3-4]
http://cadeiranteeserhumanotambem.blogspot.com/
dedicado ao cadeirante e as pessoas interessadas a conhecer a vida de um cadeirante!